Ferramenta

Como vender no Mercado Livre? É seguro? Um passo a passo completo para criar uma loja, anunciar e enviar produtos + 4 dicas para ser um vendedor medalhista! [2021]

16/08/2021
Como vender no Mercado Livre

Ter um e-commerce vendendo os seus produtos pode ser ótimo, mas esse é apenas o primeiro passo para começar a vender – de verdade! – na internet. Por isso, neste artigo, vamos te ensinar como vender no Mercado Livre, o maior marketplace da América Latina.


Existem alguns motivos cruciais que certamente vão te convencer a criar uma loja virtual no Mercado Livre (ou, pelo menos, manter a sua conta ativa neste marketplace), como:

  • De acordo com a Statista, O Mercado Livre é a plataforma de vendas online que recebe mais visitantes aqui na América Latina – até mesmo mais que a Amazon. 
  • Segundo a SEMrush, é o nono site que mais recebe acessos no Brasil {😯}, com aproximadamente 668 milhões de usuários, 4 vezes o volume da segunda plataforma.

Com 9 vendas feitas por segundo, o Mercado Livre definitivamente é a maior empresa de comércio eletrônico e fintech do Brasil.

Então, se você estiver pensando em começar a vender pela internet (ou em como vender mais pela internet), um bom caminho é cadastrar seus produtos no Mercado Livre.

Três motivos para vender no Mercado Livre

Por isso, neste artigo vamos não apenas te mostrar como vender no Mercado Livre, mas também como se tornar um vendedor no Mercado Livre com cinco estrelas. ⭐⭐⭐⭐⭐

Mas antes, que tal conhecer um pouquinho a história dessa gigante plataforma de compra e venda na internet?

O que é o Mercado Livre

A maior empresa de comércio eletrônico e fintech da América Latina, o Mercado Livre, foi fundada em 1999 pelo empresário argentino Marcos Galperín.

O objetivo primordial de Galperín era lançar uma plataforma online para compra e venda de qualquer produto. 

O argentino percebeu que, com esse movimento, ele poderia cooperar para um mercado virtual mais democrático, que possibilitasse a entrada de pequenos comerciantes.

Inicialmente, a empresa foi lançada na Argentina, no Brasil, no México e no Uruguai.

Mas logo não parou por aí: no ano seguinte da inauguração, Chile, Colômbia, Equador e Venezuela foram integrados ao raio de atuação do Mercado Livre. 

Literalmente, O Mercado Livre conquistou o coração de todos(as) nossos(as) hermano(as). 💃💙

Países com a presença do Mercado Livre

Mas, com esse resultado, somente em dois anos já dava para imaginar o que se tornaria essa startup?

Em 2001, três anos após ter sido criado, o eBay, uma das maiores lojas de comércio eletrônico norte-americana, comprou parte da gestão do Mercado Livre. 

Sério, o eBay é gigante!

Além do grande potencial de liderar o comércio virtual latino-americano, esse interesse também surgiu porque o marketplace argentino foi um dos poucos que resistiram ao estouro da bolha da internet, que levou à falência mais de 500 empresas no ano de 2000. 😵‍

“MELI”, como chamam os integrantes da empresa, está presente em 18 países, cumprindo com propósito fundador de permitir que todo tipo de vendedor(a) possa cadastrar seus produtos no Mercado Livre. 

Isso se comprova no relatório do fechamento do quarto trimestre de 2020 que divulga incríveis 74 milhões de usuários ativos e total de 229.4 milhões de produtos vendidos. 

E os números são ainda mais impressionantes quando avaliamos os resultados do primeiro trimestre de 2021: são 137 milhões de usuários ativos e 23.6 bilhões de mercadorias vendidas.

O Mercado Livre dispara na frente de seus concorrentes por oferecer um ecossistema de serviços de ponta a ponta para seus vendedores. São, ao todo, 6 soluções complementares:

  1. Mercado Livre;
  2. Mercado Pago;
  3. Mercado Envios;
  4. Mercado Ads (ou Publicidade);
  5. Mercado Shops;
  6. Mercado Crédito.

Deu vontade de conhecer um pouquinho melhor cada uma delas? Então confira a imagem abaixo:

Produtos do Mercado Livre

Ok. Já deu pra entender que o Mercado Livre é gigante – e que, além disso, possui uma história de deixar o queixo caído. Mas fica a pergunta:

O Mercado Livre é seguro?

São águas passadas quando tínhamos receio de comprar e vender pela internet. 

Você se lembra do conto do tijolo?

Aquele em que você comprava um produto na internet (especialmente no Mercado Livre) e… recebia um tijolo. 🧱


Mas, bem, parece que agora ele é só meme.

Hoje, os marketplaces estão cada vez mais empenhados a reproduzir as “compras de balcão”, troca que trazia segurança tanto para o(a) consumidor(a) que podia sentir ali na mão o produto, quanto para o(a) vendedor(a) que garantia o recebimento do pagamento.

O mercado eletrônico democratizou o acesso ao varejo digital aos(às) comerciantes e compradores(as). 

Mesmo que não pareça, lojistas e consumidores estão mais próximos no ambiente virtual.

Com o Mercado Livre, isso sempre foi uma realidade. 

Sabendo que muitas pessoas passaram a usar a web, a plataforma antecipou investimentos para tornar seu site o mais seguro possível.

😱 Curiosidade: Durante a pandemia da Covid-19, 5 milhões de pessoas passaram a comprar pelo Mercado Livre pela primeira vez, segundo Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo.

Stello Tolda, co-fundador e presidente, explica que as fraudes em negócios onlines podem ser melhor controladas porque se tem fácil acesso a informações, que ficam registradas e que podem ser consultadas imediatamente para solucionar eventuais problemas.

O Mercado Livre tem um programa de proteção, que são parcerias com empresas de segurança e autoridades, para antecipar e resolver conflitos antes que virem questões na justiça.

Além disso, seus dados pessoais e sua privacidade também são protegidos e o site busca manter o mínimo necessário de informações sobre você para garantir a sua segurança e da sua loja. 

Você pode acessar o resumo dos seus direitos aqui.

Esse programa de segurança também se estende para outros produtos do Mercado Livre, como o Mercado Pago e o Mercado Envios.

Aqui você pode ler mais sobre → Como protegemos os vendedores.

Por exemplo, o Mercado Livre tem aperfeiçoado cada vez mais o sistema de entregas (o Mercado Envios), investindo massivamente em planos de logística para completar a experiência do consumidor. 

Afinal, o sucesso de uma loja virtual não é somente concluir vendas, mas, principalmente, garantir que o produto chegue às mãos do consumidor.

Logo, suas mercadorias são rastreadas durante todo o percurso e se houver algum acidente, seu pacote está assegurado pelo Mercado Livre.

Então, quanto às entregas, você pode ficar tranquilo(a)! 😊

Como vender no Mercado Livre: passo a passo completo para ser um vendedor no Mercado Livre

Você já sabe os benefícios de vender online e, principalmente, porque o Mercado Livre é uma das principais plataformas seguras para abrir um comércio online.

Então, agora que você chegou aqui, provavelmente quer saber mais sobre como vender no Mercado Livre, mas primeiro você precisa de uma conta.

Como funciona vender no Mercado Livre: tutorial para criar uma loja do zero no Mercado Livre

Os próximos passos vão ser bem didáticos, um tutorial mesmo. E você terá dois caminhos: pelo site e/ou por aplicativo de celular.

Mas siga com atenção porque rapidinho você já vai ter criado a sua loja virtual.

Como criar uma conta no Mercado Livre no computador 💻

Para criar um e-commerce no Mercado Livre é muito simples e rápido – eu mesma levei menos de 3 minutos! 

Uma dica é que você abra o site do Mercado Livre em outra aba do seu navegador e acompanhe as etapas lendo este artigo.

Tudo pronto por aí? Então, vamos lá!

1. Para criar uma conta, entre na plataforma do Mercado Livre e clique em “Crie a sua conta” no canto superior à direita.

Como criar uma conta no Mercado Livre

2. Você vai ter a opção de escolher dois tipos de conta: uma para Pessoa Física ou para Pessoa Jurídica caso a sua empresa já tenha CNPJ.

No cadastro de uma pessoa física, você somente precisa inserir seu:

  • Nome; 
  • Sobrenome; 
  • CPF; 
  • Um e-mail de contato;
  • E escolher uma senha. 

Mas, para o nosso exemplo, vamos seguir com o cadastro para empresas.

Ou seja, após ter clicado em “Crie sua conta”, você vai clicar em “Criar uma conta de empresa” e completar os seguintes campos:

  • CNPJ da sua empresa;
  • A razão social da sua empresa;
  • O e-mail de contato; e
  • Escolher uma senha.

3. Depois disso feito, leia os documentos de “Termos e Condições” e “Declaração de Privacidade” e dê um clique aceitando as suas cláusulas.

Como criar uma conta no Mercado Livre

Pronto! Você acabou de criar sua conta no Mercado Livre. 👏

Como criar uma conta no Mercado Livre

Agora, você só precisa completar algumas informações tributárias, dados que você já deve ter em mãos quando recebeu o registro do seu CNPJ. Veja na imagem:

Como criar uma conta no Mercado Livre

Como criar uma conta no Mercado Livre por aplicativo de celular 📱

Criar uma conta no Mercado Livre pelo celular é muito simples também. Não tem mistério.

1. O primeiro passo que você precisa fazer é baixar o app do Mercado Livre, que está disponível tanto para iOS quanto para Android.

2. Feito isso, é só clicar em “Criar conta” e preencher o formulário de cadastro.

Como criar uma conta no celular no Mercado Livre

3. E pronto! Conta criada.

Mas aqui vale um ponto importante: por meio do celular não é possível criar uma conta de empresa.

De qualquer forma, o processo é tão simples quanto o do computador. Em alguns toques, a nossa conta já estava criada e pronta para começar a anunciar produtos no Mercado Livre. 

Como cadastrar produtos no Mercado Livre

Legal, agora que você já criou a sua conta {🕺}, chegou a hora de aprender a cadastrar um produto no Mercado Livre.

1. Mas antes, para se certificar que estamos na mesma página, volte na aba principal do Mercado Livre.

Você vai perceber que o nome da sua loja vai estar no mesmo lugar que antes você tinha clicado para criar a sua conta. Dá só uma olhada:

como vender no mercado livre: cadastrando produtos

2. Passe o mouse sobre o nome da sua loja. Você vai reparar que uma lista suspensa “desce”.

Nesta lista, clique em “vender”, como mostra o gif abaixo:

Como cadastrar um produto no Mercado Livre

3. Você verá que aparecerão 4 opções de itens para você anunciar: produtos, veículo, imóveis e serviços.

Como cadastrar produtos no Mercado Livre

Para este tutorial, escolhemos a opção “Produtos”.

Importante! Talvez tenha aparecido para você também uma aba para validar alguns de seus dados. Isso é um protocolo de segurança do Mercado Livre para te proteger e para que a plataforma possa te reconhecer.

Está tudo nos conformes! 👌

Caso não tenha aparecido, é porque você já completou esses dados se você passeou por dentro da plataforma antes. Então, tá tudo bem.

Seguindo… 🚶‍♀️🚶

Neste passo a passo, vamos usar como exemplo o cadastro do e-book “Guia de dicas e hacks para automação do seu e-commerce” que produzimos aqui na Pluga.

4. Então, as primeiras etapas que precisamos completar foram:

  1. Indicar qual era o produto, marca, modelo e principais características;
  2. Selecionar qual a categoria que o e-book se enquadrava. (No nosso caso, o Mercado Livre reconheceu automaticamente como “Livro, revistas e Comics”;
  3. Confirmar a categoria.

Acompanhe abaixo:

Como cadastrar produtos no Mercado Livre

Ah, é importante você saber que nem todos os campos que aparecerão neste tutorial também serão os que você precisará preencher.

Isso pode variar de acordo com a categoria que você selecionar.

5. Em seguida, você vai precisar preencher mais informações sobre o seu produto e o anúncio. São elas:

  1. O idioma do produto;
  2. A condição do produto (se ele é novo ou usado);
  3. O título do anúncio;
  4. As imagens que vão compor o anúncio (de preferência de fundo branco) e o SKU;
  5. A quantidade disponível;
  6. O código universal do produto, que é aquele número encontrado embaixo do código de barras do item que você está vendendo.

Dá só uma olhada:

Como cadastrar produtos no Mercado Livre

Preenchimento da ficha técnica

O preenchimento da ficha técnica é um dos ajustes que demandam muita atenção durante o cadastro do produto.

Você vai perceber que ao decorrer desse artigo falaremos bastante dela. 

Então, realmente dedique um tempo precioso neste momento.

Para terminar a descrição do e-book, indicamos mais uma vez que se tratava de um livro em Português, digital e com a Pluga como editora.

como vender no mercado livre: cadastrando produtos

O preço mínimo que o Mercado Livre permite é de 7 reais. Caso a unidade do seu produto for um valor inferior a isso, a plataforma sugere que você crie kits para contornar essa limitação.

Logo, para o e-book, colocamos o valor de R$10,00.

Como cadastrar produtos no Mercado Livre

Pronto! Agora podemos anunciar o produto.

Como anunciar no mercado livre: é grátis?

Chegamos na etapa que o Mercado Livre chama de “Condições de venda”.

Nesse momento, vamos configurar o tipo de anúncio, a forma de envio e o tipo de entrega.

E respondendo a pergunta, sim! Anunciar no Mercado Livre é totalmente grátis.

E você vai ver já! 

Continue comigo. 🤝 

Tipo de anúncio

São três opções de anúncios que você pode escolher: Grátis, Clássico e Premium. Veja, na imagem abaixo, a diferença entre cada um deles.

Como anunciar no Mercado Livre

Apesar dos nomes, todos eles são realmente grátis, você não paga nada por postar um produto.

No entanto, algumas outras taxas são cobradas a cada venda nos anúncios Clássico e Premium e, sobre essas comissões, vamos te explicar melhor lá embaixo, na seção de taxas.

Mas agora falando um pouco mais sobre cada um dos tipos de anúncios:

Anúncio grátis

Em anúncios grátis a duração da postagem é de 60 dias e a exposição é baixa. Ou seja, o seu produto não ficará nas primeiras posições quando um(a) usuário(a) fizer uma busca.

Anúncio Clássico

Nessa categoria, seu produto fica exposto por tempo ilimitado e sua exposição é alta. A diferença é que, a cada venda, uma taxa de 1.2% vai ser retida.

Então, se o preço da sua mercadoria é R$10,00 reais, você receberá R$8,80 na venda.

Anúncio Premium

Aqui a exposição é máxima e de duração ilimitada também. O que difere é a taxa de venda de 1.7%. 

Bom, seguindo o mesmo exemplo de cima: sendo o preço R$10,00, o retorno será de R$8,30.

Oferta de envios

É possível enviar os produtos do Mercado Livre pelo Mercado Envios ou por conta própria.

Como o produto que estamos usando é digital, a opção de Mercado Envios não está disponível.

Mas, enviando pelo próprio serviço da plataforma, uma etiqueta vai ser gerada e ela tem que ser colada no pacote que vai ser despachado.

Além disso, você pode oferecer frete grátis de diversas formas. 

As que aparecem logo de início são as opções que a própria clientela paga pelo transporte dependendo do destino e forma de envio ou; você –  lojista – oferecendo o serviço mas custeando o deslocamento.

como-vender-no-mercado-livre

Outras formas de frete grátis também são oferecidas pelo Mercado Livre, mas isso também vamos falar mais pra frente! 😉

Forma de retirada

Uma alternativa que pode ser bem atraente para o(a) cliente é possibilidade de retirada presencialmente. 

Isso pode ser positivo por diminuir os custos de transporte ‒ tanto para você quanto para o(a) comprador caso o frete não seja grátis. 

Além disso, pode evitar que a transportadora não encontre o(a) destinatário(a) no local para onde a mercadoria foi enviada.

como-vender-no-mercado-livre

Garantia do seu e-commerce

Existe um programa de Compra Garantida para compras feitas no Mercado Livre com pagamento pelo Mercado Pago e entregues via Mercado Envios.

Os prazos são de 7, 28, 30 ou 60 dias corridos após a entrega, dependendo de qual categoria a mercadoria está inserida.

Mas, além desses prazos, você também pode oferecer a garantia por conta própria.

E caso esteja revendendo um produto, pode também adicionar a garantia de fábrica. 

É um recurso que desperta mais confiança em quem vai comprar de você e que pode atrair ainda mais compradores(as).

Vale a pena considerar oferecer essa garantia, afinal de contas, imprevistos podem acontecer.

Descrição

Quanto mais informações, melhor! 😎

Por isso, não tenha receio em adicionar o máximo possível de detalhes e informações sobre o seu produto. Nunca é demais. 

Nessa etapa, o Mercado Livre te possibilita, mais uma vez, completar as características daquilo que você oferta, e também inserir vídeos.

como cadastrar um produto no mercado livre - adicionar descrição

Capriche! E lembre-se que você precisa atrair esse(a) cliente!

Feito isso, é só clicar em “Anunciar” e prontinho! Você acabou de anunciar o seu produto e ele já está no ar! 

Para encontrar a sua oferta, acesse o painel de controle interno da sua conta, clique em “Vendas” no canto esquerdo da tela e depois em “Anúncios” na lista que apareceu.

como publicar um anuncio no mercado livre

Olha que bonito ficou o nosso anúncio:

Exemplo de um anúncio no Mercado Livre

Editar anúncio

Você pode sempre editar o seu anúncio, o que é ótimo porque assim não é necessário sempre criar uma oferta do zero.

Para isso, continue na mesma aba do painel de controle e clique nas três bolinhas à direita do seu anúncio.

É possível alterar, ver o anúncio, desativar, anunciar um produto semelhante ou pedir por ajuda.

como-vender-editar-anuncio-mercado-livre

Ufa! Acabou esse longo caminho para postar o seu produto.

Mas a parte mais legal chegou! O momento de enviar o produto para o destino – o que significa que você já está vendendo no Mercado Livre. 🎉

Como enviar os produtos no Mercado Livre

Opa! Alguém comprou o Manual! 

Olha o que recebemos no nosso e-mail de cadastro:

como-enviar-produtos-mercado-livre

Agora, não custa nada mandar uma mensagem de confirmação, não é?

como-enviar-produtos-mercado-livre

Beleza. O próximo passo é enviar a encomenda para o(a) cliente – que por coincidência sou eu mesma, hehe. 😁

Como você sabe, o produto que usamos para exemplo é um produto virtual, e optamos por enviá-lo via link, ali mesmo pelo chat do Mercado Livre.

 Outra forma seria andar por e-mail ou também por arquivo no próprio chat, clicando no símbolo “📎”.

como-enviar-produtos-mercado-livre4

O processo não muda praticamente nada se fosse um produto físico, que eu precisasse enviar pelos Correios ou por uma Agência do Mercado Livre.

Se fosse o caso, eu também receberia um e-mail com a etiqueta para colar no pacote, que também estaria disponível lá na minha conta, naquela aba de vendas.

Mas, a principal diferença é que o despacho precisa ser em até 24h, norma do próprio Mercado Livre.

Tendo a etiqueta em mãos, todo o protocolo da venda está registrado e, como procedimento padrão, um comprovante de envio com um código de rastreamento vai ser entregue para você.

Em seguida seria preciso apenas indicar que a encomenda já foi enviada, e disponibilizar o código de rastreamento. Dá só uma olhadinha:

Como confirmar entrega no Mercado Livre

Como dissemos, são dois lugares para despacho: o próprio Correios ou uma agência do Mercado Livre.

Você pode consultar neste link qual é a agência do Mercado Livre mais próxima de você, mas somente vendedores(as) que já foram contatados(as) têm esse direito de escolher essa forma de envio.

Porém, a plataforma está sempre trabalhando para entrar em contato com o máximo possível de lojas e daqui a pouco a sua já vai estar cadastrada e você poderá optar por esse procedimento. 😉

Entenda mais sobre essa possibilidade → Agências Mercado Livre: envie suas vendas rapidamente.

Ah, e quase íamos esquecendo de explicar a terceira opção que havíamos dito lá em cima: a “clique e retire”.

Essa modalidade é uma parceria do Mercado Livre com varejistas, uma outra forma de compradores(as) retirarem a sua encomenda.

Basicamente, no ato da compra, o(a) cliente pode escolher receber sua entrega nos Correios. É uma opção para quem tem receio de não conseguir encontrar com a empresa que levará o produto.

Essa forma de envio também pode baratear o frete dependendo do destino, já que é menos uma etapa do caminho até o destino de entrega.

Como enviar os produtos do Mercado Livre muito (muito mesmo!) rápido

Para aumentar ainda mais as suas vendas, o MELI lançou uma modalidade de entrega rápida que promete enviar seu produto em até 24h!

O que é isso?

É o Mercado Envios Full! ⚡

Como enviar pelo Mercado Full

Esse serviço é contratável e ele cuida de toda a logística de envios das suas mercadorias de São Paulo. 

Você pode relaxar quanto a:

  • Processamento de estoque;
  • Emissão de Nota Fiscal;
  • Preparação do pedido;
  • Envio do produto.

O mais legal desse recurso é que você pode ficar monitorando bem de perto todo o andamento das entregas e, como o Mercado Envio foi o responsável pelo despacho, qualquer reclamação pós venda fica totalmente à encargo deles. 🧐

Outro benefício também é que o Mercado Livre te reembolsa parte dos fretes grátis das vendas acima de R$79,90. 

Mas isso depende da sua reputação. Então, dê o seu melhor! 😊✌

E tem mais uma vantagem: seus anúncios vão ficar lá no topo das buscas, o que aumenta ainda mais as chances de acharem seus itens. 

Entenda mais → Como aderir ao Mercado Full.

Como vender com segurança no Mercado Livre

Entendemos que vendas onlines são uma via de mão dupla: assim como o(a) consumidor(a) pode ter o receio de não receber a compra, o(a) vendedor(a) também pode ter medo de o pagamento não cair na conta. 

Porém, existem algumas práticas importantes que você precisa se atentar para evitar o famoso (e temido) “calote”. 😰

Como vender mais no Mercado Livre

Confira outras dicas do Mercado Livre → Como vender de maneira segura.

Como vender mais no Mercado Livre

Vender mais é sinônimo de fechar mais vendas, não é? 

E para que isso aconteça, mais pessoas precisam encontrar a sua loja e se convencerem para comprar os seus produtos.

E no Mercado Livre, como vender mais?

Existem alguns requisitos na plataforma que você pode colecionar para aumentar as chances da sua loja captar aquele usuário que está navegando pelo site, e todos eles envolvem a sua reputação.

Vamos falar sobre como funciona cada um deles?!

Cálculo da reputação

O cálculo de reputação é um levantamento feito pelo Mercado Livre que te insere em um ranking de vendedores(as) e, de acordo com a sua posição, sua loja recebe uma cor no termômetro:

Termômetro de reputação do Mercado Livre

Para atrair mais potenciais compradores, encantá-los e gerar confiança, é super importante que você trabalhe da melhor forma, fazendo da experiência da clientela a melhor em relação aos seus concorrentes.

Como o Mercado Livre calcula a sua reputação

O cálculo de reputação é ativado a partir da sua 10ª venda feita na plataforma. 

Os algoritmos analisam as transações dos últimos 60 dias em que sua conta esteve ativa e mais os dias que estão em decurso.

Caso você tenha vendido menos de 60 vezes, o período de avaliação se estende para 365 dias.

E, basicamente, o Mercado Livre vai observar três critérios:

Como o Mercado Livre calcula a reputação

ps: uma pequena exceção é atribuída às lojas que vendem veículos, sendo que a partir da 5ª entrega que o(a) comerciante está apto(a) a competir no ranking. 

Reclamação

As reclamações que penalizam a sua reputação são aquelas relacionadas apenas à qualidade do seu produto, como pedidos que foram entregues com defeito ou que pararam de funcionar; e também compras que foram canceladas pelo(a) vendedor(a).

Para evitar que isso aconteça, certifique-se que: 

  1. As descrições são autênticas ao que o cliente vai receber; 
  2. O produto certo está sendo enviado para o cliente;
  3. A embalagem está segura e bem feita; 
  4. O estoque está atualizado.

Além disso, fique de olho no chat, procure ter uma conduta solicita e um suporte prestativo. 

Também busque ler os comentários deixados no seu perfil e tente encontrar um problema recorrente ou que possa ser contornável.

Tempo de envio

Do que adianta uma baita compra se o produto não chega às mãos do cliente? 🤷‍♀️

A demora da entrega é uma das principais reclamações dos(as) consumidores(as) no Mercado Livre, que passou, por esse motivo, a ser critério de avaliação para a reputação.

Optando por usar o Mercado Envios, os algoritmos da plataforma conseguem recolher a média do tempo de entrega de todas as lojas de uma mesma categoria. 

Então, quanto mais acima da média você estiver em relação a outros estabelecimentos, maior será sua nota.

Lembrando que o prazo de envio do Mercado Envios é de 24 horas úteis! 

E, tudo bem, imprevistos podem acontecer… 

Mas use o chat e antecipe o(a) cliente dizendo que o pedido pode atrasar. 

Não custa nadinha! 🥺

Confira mais dicas do Mercado Livre → Tempo de envio: o segredo para uma boa reputação.

Cancelamento de vendas

Outra atitude que, de cara, já pode impactar a experiência do(a) cliente é o cancelamento de uma venda. 

Considere que algum tempo foi investido para que te encontrem, confiem e optem por comprar na sua loja. 

E, depois de todo esse processo, cancelar a compra não paga bem, né?

Você pode antecipar esse constrangimento identificando se o seu estoque está em dia, se as descrições dos produtos estão corretas e se o pedido está sendo enviado para a pessoa certa.

Então, vamos lá!

Esse ponto é muito importante porque o Mercado Livre pode te penalizar suspendendo sua conta, temporariamente, se 2,5% das suas vendas forem suspensas.

Saiba que a variável não é afetada se o cancelamento partir do(a) cliente, isto porque, o(a) comprador(a) tem o direito de arrependimento de compra de acordo com o Código do Consumidor.

No entanto, seus pontos podem cair se o cancelamento for antecedido de uma reclamação. Mas, nesse caso, o Mercado Livre vai avaliar essa situação como um problema de Reclamação, aquele que eu falei acima.

Então, resumindo o que foi dito (e trazendo alguns números e percentuais):

Como ter uma boa reputação no Mercado Livre

Exceções ao cálculo de reputação

Comerciantes de calçados, bolsas, roupas etc não sofrem penalização quando recebem uma reclamação de arrependimento ou trocas. 

O Mercado Livre compreende que esses acessórios são mais suscetíveis a não cumprirem com as expectativas de quem os compra.

A avaliação também não prejudica lojas que entregam produtos personalizados como alianças, artesanatos e kit de brinquedos personalizados. Por outro lado, o site recomenda que o(a) lojista atualize sempre a disponibilidade de estoque para não prejudicar sua posição nas buscas.

Um adendo às lojas vendedoras de veículos é que quanto mais reservas forem agendadas, maior a reputação. Ou seja, o cálculo não penaliza o comerciante simplesmente por não concluir vendas, mesmo que importante.

Chegando ao fim, esses são todos os critérios verificados pelo marketplace e os resultados da varredura podem ser consultados a qualquer momento. 

Confira aqui como anda a sua reputação.

Mas, ei, ainda não acabou! 👮‍♀️🤚

Você pode se tornar um(a) líder de mercado e dar um show de como vender no Mercado Livre.

Entenda agora como se tornar um(a) MercadoLíder.

Ganhe medalhas e se torne um(a) MercadoLíder

Você pode atrair mais potenciais compradores(as) acumulando medalhas do Mercado Líder. 

De fato, é uma premiação que ocorre entre as lojas que oferecem a melhor experiência para os(as) consumidores(as) do site.

Essas medalhas aparecem junto do termômetro da Reputação e representam o(a) vendedor(a):

tipos-de-vendedores-mercado-livre

  • MercadoLíder
  • MercadoLíder Gold
  • MercadoLíder Platinum

E temos certeza que você vai querer receber uma medalha dessa, porque as recompensas são várias! 

Os benefícios de ter uma conta MercadoLíder são:

  1. A possibilidade de oferecer Frete Grátis pelo Mercado Envios com 50% de desconto em produtos novos a partir de 79,90;
  2. Anúncios com mais visibilidade e exposição nas buscas;
  3. Capacitações e aconselhamentos do Mercado Livre para contas dessa categoria;
  4. Mensalidade grátis para a manutenção do eShop;
  5. Atendimento via chat grátis com o Mercado Livre;
  6. Acesso para funcionários(as) de múltiplas máquinas sem a necessidade de repassar a senha pessoal.

E aí, gostou? 😏

Então, para ter uma conta MercadoLíder você precisar atingir os seguintes requisito num intervalo de 60 dias:

como-se-tornar-mercado-lider

* Para calcular esse valor, o Mercado Livre não considera as vendas provenientes dos seus anúncios Grátis.

* A plataforma considera as reservas de veículos como vendas.

Taxas do Mercado Livre

Existem 3 taxas principais do Mercado Livre que você vai se deparar dentro da plataforma: de anúncio, envio e processamento (pagamento).

Abaixo vamos falar sobre cada uma delas. Siga lendo para saber mais!

💸 Taxas de anúncio do Mercado Livre

Como dissemos lá em cima, anunciar um produto pelo Mercado Livre sempre vai ser grátis até atingir um máximo de vendas por ano.

Porém, optando pela divulgação “Clássico” ou “Premium”, de maior alcance e exposição, diferentes taxas vão ser retidas da sua conta Mercado Pago a cada venda.

Além do tipo de anúncio escolhido, o cálculo das taxas também é ajustado de acordo com a categoria, o total da compra e as unidades vendidas.

Podemos te antecipar que para vendas com o preço abaixo de R$ 120, são retidos (por unidade) uma taxa de 11% (para anúncios do tipo “Clássico”) ou 16% (para anúncios do tipo “Premium”) + um custo fixo de R$ 5..

Então, sendo a sua venda maior do que R$ 120, você não pagará a taxa fixa e poderá oferecer um frete grátis e sem pagar por ele!

Taxas de anúncio do Mercado Livre

Confira o custo e requisitos de todos os anúncios no Mercado Livre → Quanto custa vender no Mercado Livre.

E falando de frete…

🚚 Taxas de entrega do Mercado Livre

A taxa de entrega, também conhecida como “frete”, normalmente pode ser paga pelo(a) cliente ou por parte da loja. No Mercado Livre, é possível ser até por conta da casa!

Como funciona o frete grátis no Mercado Livre

O frete grátis é um benefício que é oferecido ao(à) comprador(a), mas é o(a) comerciante quem arca com o custo de deslocamento do pedido até o endereço destinatário.

Optando por esse método, o valor é descontado por cada de venda e diretamente da conta no Mercado Pago

Os anúncios que você pode aplicar frete grátis são:

  1. Produtos novos a partir de R$79,90, com descontos de acordo com a reputação;
  2. Produtos abaixo de R$79,90, com o custo por conta do(a) vendedor(a);
  3. Soma do valor de vários produtos com o total de R$79,90, pago pelo Mercado Livre. 

Custo de entrega no Mercado Livre

Aqui, o custo do frete grátis vai depender de qual grupo a loja vai estar inserida e que podem ter diferentes descontos distribuídos para o(a) lojista:

  1. Lojas oficiais, MercadoLíderes e com reputação verde.
  2. Reputação amarela ou sem reputação.
  3. Reputação laranja ou vermelha.

Em cada conjunto, a taxa de entrega do Mercado Livre também vai ser atribuída de acordo com:

  1. O peso;
  2. A região para onde a mercadoria será levada;
  3. O produto sendo novo ou usado e de anúncio grátis;
  4. O produto sendo novo e a partir de R$79,90;
  5. O produto sendo de categoria especial.
  6. A entrega sendo Full ou não.

💳 Taxa de pagamento ou processamento do Mercado Livre

Outra taxa muito importante, e que reflete também no dinheiro que você vai receber, é o custo retido dos pagamentos.

Nesse tópico, vamos falar de transações feitas pelo Mercado Pago, o meio de pagamento interno do Mercado Livre.

Então, se você for receber por fora deste aplicativo, os encargos aplicados vão ser aqueles respectivos da plataforma usada.

Bom, aqui as taxas são retiradas em dois momentos:

  1. Durante a própria transação e no ato do saque; 
  2. Transferência para outra conta.

Várias e várias situações vão influenciar nessa taxa, isso porque, depende:

  • Meio de pagamento (cartão de débito ou crédito, boleto bancário, PIX ou dinheiro na conta Mercado Pago);
  • Compras por maquininhas ou pela internet e redes sociais.

Porém, nós já temos um artigo inteiro que descreve exatamente quanto você vai receber no Mercado Pago e uma calculadora completa para você descobrir quanto de tarifas você vai pagar do Mercado Pago.

Integração do seu Mercado Livre com as outras ferramentas que você usa

Chegamos na parte mais mágica deste artigo! 🤩

Se você ainda não está muito familiarizado com o recurso de integrações entre ferramentas web vou te explicar bem resumidamente.

Integrando duas ferramentas, plataformas ou sistemas, é possível fazer com que ambas troquem dados automaticamente, concluindo uma ação instantânea e sem que você precise saber de programação. 🤓

Calma! Parece difícil, mas você vai entender que não é.

Integrações com o Mercado Livre

O Mercado Livre já está integrado com uma série de ferramentas web e, por isso, você pode aproveitar dessas configurações que já estão prontas.

Outra alternativa também é sugerir quais aplicativos você gostaria que estivessem integrados, aqueles que você usa no seu dia a dia, mas que ainda não fazem parte do catálogo já ofertado.

Esse recurso vai otimizar muito mais o seu tempo, eliminando tarefas repetitivas como completar tabelas, organizar estoques, pedidos e emissões de notas fiscais manualmente.

Então, recomendamos muito que você busque por esses mecanismos automáticos: é bem fácil de implementar na sua empresa, basta você ter contas ativas nos sistemas e trocar verificações entre eles.

Um meio mais fácil ainda é procurar pelas integrações com o Mercado Livre já ativas aqui na Pluga. 

O aplicativo que você procura pode estar entre as diversas ferramentas já integradas e você pode testar – e até mesmo continuar usando depois – as automatizações gratuitamente.

E relaxa! Não precisa se preocupar que não vamos pedir seu cartão de crédito.

Ah! Mas se você não achar a plataforma que procura, não tem problema. É só você chamar a gente e alinhamos isso! 😎

Confira abaixo algumas integrações:

Integre o Mercado Livre com outras ferramentas!

Conclusão: o Mercado Livre é uma boa ferramenta?

YAY! 🤩

Agora você sabe tudo sobre como vender no Mercado Livre e está pronto(a) para decolar a sua nova loja. 🚀 💸

Você percebeu que o marketplace é bem versátil, que pode se adaptar a qualquer tamanho de empresa, ramo de negócio ou até mesmo para aqueles(as) desapegados(as) que querem dizem “tchau-tchau” a um item que não deseja mais. ✌

Como dissemos, o comportamento dos(as) consumidores(as) mudou e cada vez mais as pessoas estão aderindo ‒ e preferindo até ‒ as plataformas onlines de compra e venda. 

Felizmente, existem vários outros marketplaces disponíveis para você instalar o seu negócio online e multiplicar as suas vendas. Os(as) potenciais clientes estão em todos os lugares e você não pode perder essas oportunidades!

Espero que esse artigo tenha te ajudado e dado aquele empurrãozinho para você se tornar um vendedor no Mercado Livre com 5 estrelas!

E se quiser mais umas dicas do Mercado Livre, você pode clicar aqui. Lá você vai achar também uns cursos bem legais para aprimorar seus conhecimentos dessa incrível plataforma de vendas online.

Agora, comente embaixo se esse artigo foi útil, se esquecemos de falar algo ou se você ficou com alguma dúvida.

Esse artigo foi útil para você? 😎
Média: 0 / 5

Você também deve gostar de