Marketing

Como usar Mailchimp e conseguir resultado no e-mail marketing

04/10/2016
Como usar Mailchimp

A pergunta talvez não devesse ser como usar Mailchimp, mas como utilizar o Mailchimp da melhor forma.

Mailchimp é uma das mais conhecidas e utilizadas plataformas de disparo de e-mail marketing, com uma série de vantagens que a fazem muito ágil e útil, principalmente se bem utilizada, trazendo ótimos resultados.

Quer saber como usar Mailchimp ao máximo? Prossiga com a leitura!

Confira: Melhores ferramentas de email marketing para o seu negócio

Como usar Mailchimp nível ninja

Se é para enviar e-mail com um conteúdo genérico, que não se comunica com o público-alvo, sem teste A/B, sem lista segmentada, então para que fazer campanha de e-mail marketing?

Quer um conselho? Não faça! Ou faça direito.

Isto porque existe um grande risco de você perder a base conquistada com muito trabalho, seja por conta do aumento do descadastramento ou até a punição por parte dos servidores de e-mail (Gmail, Yahoo, etc) que interpretam o seu conteúdo como Spam (lixo eletrônico). Quer fazer do jeito certo e ter resultados de verdade? Então nada como usar o Mailchimp, pelo menos para começar com uma das principais ferramentas de disparo de e-mail marketing do mundo!

Então, antes de te passarmos as dicas de como utilizar o Mailchimp, faça um curso rápido aqui mesmo no site sobre alguns conceitos importantes (se achar necessário):

Pronto, já fez? Parabéns!

A gente poderia te ensinar aqui o “bê-a-bá” de como usar Mailchimp, mas estes post nós já escrevemos e estaríamos sendo repetitivos.

Por isso, se você quer saber como criar uma conta ou importar listas, acesse abaixo o outro módulo do nosso curso (em duas aulas).

“CURSO” Noções básicas de como usar Mailchimp:

Preparado para o curso avançado? Vamos lá!

Usando Mailchimp para alcançar os melhores resultados!

Vamos falar aqui de 3 coisas principais:

  1.    Segmentação de listas de disparo
  2.    Escolha de templates
  3.    Testes A/B e análise de resultados

Estes 3 pontos podem aumentar muito seus resultados e, na verdade, são um ciclo, pois a partir da análise dos resultados você volta ao começo: segmenta, escolhe templates, testa e analisa.

Vamos lá, então!

1- Como usar o Mailchimp para segmentar a base

A primeira vez que você fizer isso, talvez seja algo meio intuitivo. O Mailchimp dispõe de diversos filtros para te ajudar nessas escolhas.

Você vai na página de listas, passa o mouse no menu “segments” e clica em “Create a new segment” (criar novo segmento).

Vai aparecer um menu flutuante com um monte de critérios para você escolher, coisas como (traduzidas): gênero, CEP, Primeiro Nome e outras que são bastante complexas para um iniciante, como por exemplo “rating” da pessoa, atividades de conversação, data em que foi adicionado e outras.

Comece com as coisas que achar mais fáceis, no início, como listas por gênero e localidades.

Com suas listas definidas, é hora de escolher os templates. E eles têm que ser diferentes de uma lista para outra, para fazer sentido segmentar.

2- Como escolher templates de e-mail no Mailchimp

É muito ágil e prático. E facilita sua vida, principalmente se você ainda não tem recursos para contratar designers para isso.

Depois que você selecionar sua lista e configurar a campanha colocando um nome para ela e o assunto, quando ativar o próximo passo será direcionado para escolher seus templates.

Os modelos aparecem em imagens miniatura, você clica neles e vai arrastando e soltando elementos para criar o e-mail do jeito que você quer, acrescentar textos e imagens.

Tudo pronto? Dispare.

3- Como usar Mailchimp para testes A/B e análise de resultados

Depois de analisar seus resultados, você pode ficar em dúvida entre qual a melhor frase para a abertura de seu e-mail, ou qual a cor de determinado Call to Action, por exemplo.

Você pode analisar isso fazendo testes A/B no Mailchimp.

Na hora que for criar uma campanha, você clica na opção “A/B testing campaign”.

Depois de escolher a lista que você segmentou, é preciso decidir o que será testado, pode ser o assunto, o nome do remetente, o conteúdo (uma ideia é mudar a cor do CTA!) ou a hora de disparo.

Ai, conforme sua escolha, aparecerão os campos para pôr as duas opções a serem testadas e comparadas, A ou B, certo?

Prontinho! Disparar a campanha e analisar os resultados!

Conclusão

É assim que se utiliza o Mailchimp para ter os melhores resultados. Testando opções e melhorando o layout, assunto e conteúdo de seus e-mails para diferentes listas, até conseguir as maiores taxas de abertura, cliques e de conversão!

E a cada nova rodada de testes, promova a melhoria contínua: ajuste e teste novamente!

Agora que você se tornou “o cara” do Mailchimp, que tal fazer integrações com outros aplicativos e facilitar ainda mais sua vida?


You Might Also Like