Marketing

O que é MailChimp? Um jeito fácil de fazer e-mail marketing

06/09/2016
mailchimp-o-que-e

De fazer, criar, selecionar, segmentar, definir layout, enviar, ver estatísticas, planejar e muito mais. Se você quer saber o que é MailChimp, prepara-se para receber bastante conteúdo!

Quando se fala em e-mail marketing, as pessoas, às vezes, focam no conteúdo e nas informações relevantes para seu público-alvo. Mas e o disparo, a criação de layout, estatísticas de abertura e taxas de cliques? Quem vai fazer isso para você?

O que é MailChimp? É a resposta para essas perguntas!

Ele vai te ajudar não apenas a saber como criar uma campanha de e-mail marketing, mas como interpretar os resultados e conseguir melhorá-los cada vez mais!

MailChimp: o que é e como usar

Antes de começar, alguns dados muito importantes: ao contrário do que muitos pensam, campanhas de e-mail marketing não são uma forma antiquada de fazer marketing digital.

Veja só, pesquisas indicam que uma mensagem de e-mail pode ser até 40 X mais eficiente para conquistar novos clientes do que mídias sociais em geral. E mais: Quase 3 em cada 4 consumidores consideram os e-mails como a melhor forma de receber novidades das suas marcas preferidas.

Então, deixe o preconceito de lado e use o e-mail marketing. O fato de alguns fazerem mau uso desta ferramenta (com spam), não significa que ela deixou de ser eficaz.

É exatamente para você poder desenvolver suas campanhas de e-mail marketing da forma correta que o MailChimp foi criado.

Pronto! Vamos a ele!

O que o MailChimp tem a oferecer?

Desenhado para fornecer os dados estatísticos de sua campanha de e-mail marketing, o MailChimp é excelente para quem trabalha, por exemplo, com e-commerce. Confira algumas de suas funcionalidades:

É muito fácil criar sua campanha de e-mail marketing

Realmente a plataforma é bastante intuitiva e fácil de operar. E o mais importante: a segmentação é feita sem complicação! Confira este pequeno passo a passo que preparamos para você entender melhor o que é MailChimp:

  1. Crie sua conta: defina seu login e senha e sua conta gratuita já estará criada.
  2. Configure seu nome e e-mail: este será o contato que os destinatários vão ver ao receber seus e-mails.
  3. Importe listas de contatos: existem várias maneiras, como exportar de outra plataforma de e-mail, copiar e colar de planilhas ou ainda fazer upload de arquivos TXT ou CSV.
  4. Segmente os destinatários: a maneira ideal de fazer isso é usando filtros. Mas você também pode definir segmentos para envio ou simplesmente ir copiando e colando os e-mails que quer usar.
  5. Nome da campanha: vai ser fácil gerenciar seus dados e estatísticas ao organizar cada remessa de envio com um nome que será usado no painel de controle.
  6. Assunto: Ele aparece automaticamente, mas você pode alterar.
  7. Que estatísticas acompanhar: está é a parte mais importante! Defina os parâmetros que quer colher para formar suas estatísticas de controle, como taxa de abertura ou de cliques em CTA, por exemplo.

E aí? Com ou sem MailChimp? O que é melhor na hora de criar e segmentar sua campanha?

Criando o layout dos e-mails com templates

Se alguém te perguntar o que é MailChimp, não vale dizer que ele é apenas uma das melhores ferramentas de disparo de e-mail marketing. Ele também te ajuda a criar o layout de suas mensagens, com muita facilidade.

Depois do passo a passo anterior, você pode escolher um dos templates com a estrutura pronta e já preparado pelo próprio MailChimp.

Depois de estar com a “estrutura” escolhida, você vai adicionando elementos, no esquema de “arrasta e solta”. É só selecionar as caixas que deseja alterar e ir acrescentando imagens e outros elementos, como os CTAs, os links e o texto – é claro!

Veja também: Como fazer email marketing em 7 passos

Integrações com outros aplicativos

Esta é outra sacada do MailChimp que o torna bastante adequado para seu negócio. Existe uma grande facilidade de integrá-lo com outros aplicativos via API e, o melhor de tudo, muitas empresas já desenvolveram integrações que estão prontas para você usar.

Por exemplo: se você tem um e-commerce, com certeza usa uma solução de gestão de pagamentos. Você pode integrar essa ferramenta com o MailChimp e, toda vez que um pagamento for aprovado, um novo destinatário é acrescentado a uma lista no MailChimp.

E este é apenas um exemplo. Aqui na Pluga já desenvolvemos diversas integrações de apps com o MailChimp, dê uma olhada:

MailChimp: o que é que ele não faz?

Calma, também não é assim!

O MailChimp é muito bom, mas ele não vai pensar por você nem definir suas estratégias e conteúdos. É preciso analisar os dados corretamente, entender o que está funcionando, fazer testes A/B e tomar outras providências.

Com ajuda da tecnologia, suas campanhas de e-mail marketing vão decolar!

Agora que você já sabe o que é MailChimp, que tal começar a criar sua primeira campanha grátis? Você poderá cadastrar até 2 mil usuários e enviar o máximo de 12 mil e-mails por mês. Tá bom, né?

You Might Also Like

close

Você sabe o que não pode faltar em uma campanha de e-mail marketing?

Preparamos um  Checklist Completo  para te auxiliar a enviar as campanhas de e-mail marketing. Ele é perfeito para quem:

check
check
check

Quer ter uma taxa de abertura superior a 30% {ou mais, dependendo do mercado};

Deseja aumentar as taxas de cliques e não sabe o que pode fazer para inovar;

E muito mais!

  • Seus dados estão seguros! Prometemos não te enviar spam.