Pra ficar de olho

Meios de pagamento e e-commerce: a combinação perfeita

15/06/2018
Meios de pagamento e-commerce

Quem trabalha com e-commerce, além de uma loja virtual (ou ao menos uma presença na internet através de mídias sociais), precisa de um meio de pagamento para intermediar suas transações.

Meios de pagamento e e-commerce sempre estarão relacionados, pois um depende do outro.

Sem os meios de pagamento, um e-commerce não consegue vender e, por outro lado, sem o e-commerce, os meios de pagamento perderiam boa parte de sua clientela.

Nesta postagem, vamos falar um pouco sobre meios de pagamento e e-commerce, para que você entenda como essa parceria funciona tão bem.

Saiba mais: O guia ilustrado para escolher o melhor meio de pagamento digital para o seu negócio

Meios de pagamento e e-commerce: sempre juntos! 💘

Nem todo mundo que vende na internet precisa ter uma loja virtual.

Os próprios meios de pagamento desenvolveram soluções para quem usa um blog, mídias sociais e até mensagens de texto conseguirem receber de seus clientes por meio de links e botões, ágeis e fáceis de copiar e colar em suas páginas.

Mas o inverso não é verdade: quem tem um e-commerce precisa de um meio de pagamento para facilitar suas transações online.

Mas qual meio de pagamento escolher para seu e-commerce?

Hoje o Brasil conta com diversas opções de meios de pagamento para lojas virtuais, alguns dos principais são:

  • PagSeguro
  • PayPal
  • MercadoPago
  • Moip
  • Stripe
  • Pagar.me
  • Iugu
  • Boleto Simples

Para selecionar esses meios de pagamento, utilizamos o volume de buscas de cada um na internet no Brasil e escolhendo os mais procurados.

Veja mais detalhes:

Meios de pagamento e e-commerce

Desses, o meio de pagamento mais utilizado é o PagSeguro, que detém quase 40% do mercado nacional, seguido do iugu, com pouco mais de um quarto do mercado.

Confira os dados completos:

Meios de pagamento e e-commerce

Mas o fato de ser o mais procurado ou o mais usado não significa, necessariamente, que um meio de pagamento seja o melhor para o seu e-commerce.

Existem muitos outros fatores a levar em conta na relação de meios de pagamento e e-commerce, como funcionalidades oferecidas e taxas cobradas.

Confira algumas das funcionalidades oferecidas por esses meios de pagamento:

pagamento digital

Vamos entender melhor o que significam algumas dessas funcionalidades?

Breve glossário de meios de pagãmente e e-commerce

  • Recorrência: cobrança de um valor fixo mensal (ou em outros intervalos de tempo) automaticamente dos clientes, sem que eles tenham que renovar esses pagamentos a cada novo período.
  • Métricas: números que são usados como indicadores do desempenho de seu e-commerce, como churn (taxa de desistência) ou MRR (total de pagamentos recorrentes mensais).
  • Gestão de cobrança: funcionalidade que permite enviar lembretes antes e depois do vencimento das faturas e, em alguns casos, não cancela a assinatura se o cartão de crédito do cliente estiver vencido, mas envia um e-mail notificando o cliente sobre isso e pedindo para que ele troque o cartão usado.
  • Integração: plugins que permitem integrar as informações do meio de pagamento com outras ferramentas online, como CRM e automação de marketing, agilizando a qualificação ou cadastramento de leads, por exemplo, ou a emissão de notas fiscais, entre outros.
  • Split de pagamentos: quem trabalha como marketplace precisa dessa funcionalidade para fazer a divisão dos valores e taxas com os e-commerces que usam sua plataforma de uma maneira ágil e rápida.
  • Sistema anti-fraude: caso as operações efetuadas sejam fraudulentas, usem cartões clonados, por exemplo, o sistema anti-fraude pode detectar isso e diminuir os prejuízos do e-commerce. Se não for oferecido pelo meio de pagamento, é preciso contratar um anti-fraude à parte.
  • Pagamentos via link: botões ou linhas de código fácies de copiar e colar para adicionar em blogs e mídias sociais e comercializar produtos ou serviços pela internet ou mesmo enviar por e-mail.

Ok, você entendeu melhor algumas das funcionalidades oferecidas pelos meios de pagamento para os e-commerces, mas quais são as mais indicadas?

Na ilustração abaixo, veja o que você deve privilegiar na hora de escolher um e-commerce e o que outros tipos de negócios na internet precisam contar:

Meios de pagamento e e-commerce

Como você viu, não faz sentido que tem um e-commerce exclusivo ou faz vendas em mídias sociais procurar um split de pagamentos.

Por outro lado, quem tem uma academia ou comercializa softwares como serviços, os chamados SaaS, precisa de um sistema de pagamentos recorrentes.

Veja mais: Gestão de ecommerce: aprenda a usar a tecnologia para fazer mais com menos

Quanto cobra um sistema de pagamentos?

Isso varia muito de caso a caso, confira esta planilha com algumas informações importantes sobre as taxas cobradas pelos meios de pagamento:

pagamento digital

Cuidado! Não olhe apenas o preço, estude detalhadamente as funcionalidades oferecidas e compare qual será o melhor custo benefício para o seu negócio.

Ficou claro para você a relação entre meios de pagamento e e-commerce?

Para ter acesso a mais informações, baixe nosso infográfico gratuito:

Esse artigo foi útil para você? 😎
Média: 0 / 5

Você também deve gostar de