Empreendedorismo

Fintech Startup: reinventando o jeito de lidar com seu dinheiro

01/06/2017
Fintech Startup

Você precisa mesmo de um banco, ou pode usar serviços financeiros por meio de apps desenvolvidos por startups?

Fintech, união dos termos Financeiro + Tecnologia (em inglês), é uma expressão que,  segundo alguns, teve origem em um programa de aceleração de startups da Accenture, uma consultoria estratégica internacional.

Bom, aí ficou fácil entender o que é Fintech Startup: empresas inovadoras e de rápido crescimento que buscam desenvolver serviços financeiros usando a tecnologia e a internet para isso.

Confira alguns dados impressionantes sobre o “bum” do modelo Fintech Startup no Brasil.

crescimento da empresa hub empreendedor

Saiba mais: Descubra o que é FinTech e como ela pode ajudar a sua empresa

Fintech Startup: até os bancos estão de olho

Toda ação leva a uma reação, de mesma intensidade e em sentido contrário, como diria seu professor de física do ensino médio.

De olho no crescimento das Fintech Startup no Brasil, os bancos trataram de entender isso melhor, se aproximando das startups que estão pipocando por aí e se dando muito bem, obrigado! 😉

Uma das iniciativas neste sentido, o InovaBra, do Bradesco, criado em 2015, busca promover a inovação em negócios aplicáveis a serviços financeiros.

Em abril deste ano, anunciou 10 Startups Fintech que foram selecionadas para receber suporte, com o objetivo de criar um produto ou serviço financeiro que atenda às necessidades do banco.

Como você viu, se o movimento Fintech Startup não fosse algo promissor, não geraria “reações” como essa.

E olha só uma lista de iniciativas semelhantes, promovidas por outros bancos:

Leia também: Confira 6 tendências fintech para os próximos anos no Brasil!

Alguns números e tendências

Segundo dados divulgados pelo Valor Econômico, de 1 ano para cá o número de Fintech Startups no Brasil quase dobrou, indo de 130 para 244. Essas empresas, juntas, receberam nada menos que 1 bilhão de reais em investimentos.

Outra fonte com informações interessantes é o Fintech Trends 2017, relatório sobre as principais tendências do mercado fintech brasileiro para 2017.

O documento destaca iniciativas como a inclusão financeira dos “desbancarizados” (55 milhões de pessoas no Brasil não têm conta em banco, sabia?) por meio de smartphones e outras tecnologias móveis.

Além desta, as tendências citadas são:

  • Pagamentos invisíveis, sem contato entre cartão e máquina
  • Abertura das API dos bancos, para que desenvolvedores possam integrá-los a seus apps
  • Robôs investidores, que decidem as melhores aplicações financeiras para as pessoas de forma personalizada
  • Insurtech, o surgimento de Fintech Startups focadas no mercado de seguros
  • Blockchain, a tecnologia por trás dos bitcoins (veja mais AQUI) sendo usada com mais frequência pelas Fintech

Além disso (e da aproximação dos bancos, que já comentamos), o Fintech Trends aponta as PMEs como um mercado preferencial para qualquer Fintech Startup.

Por terem menor escala, PMEs têm muita dificuldade em lidar com a burocracia e não costumam ter um atendimento diferenciado (de verdade) das instituições financeiras tradicionais.

Qualquer auxílio no gerenciamento das finanças dessas empresas, que ajude-as a serem mais produtivas e eficientes – e proporcione mais tempo livre para o empreendedor tocar seu  negócio – será sempre bem-vinda, o que faz deste segmento um prato cheio para uma Fintech Startup.

Veja o relatório na íntegra acessando este blog: Conexão Fintech

Destaques

Algumas Fintech Startups que estão a pleno vapor:

Nexxos

Startup Fintech brasileira que conecta investidores com PMEs.

Veja reportagem em vídeo do programa PEGN falando tudo sobre ela: Vídeo PEGN – Nexxos

Nubank

Prometendo o fim da complexidade e da papelada, o Nubank aposta no controle total de suas finanças com apenas um celular e o Cartão Nubank.

Pagar.me

Essa Fintech Startup brasileira foi escolhida como uma das mais inovadoras do mundo, em 2104, pelo The Innovation Project, de Harvard.

Proporcionando infraestrutura completa para e-commerces, consegue aumentar taxas de conversão de forma significativa.

E sabe da melhor?

Aqui na Pluga a gente também quer ajudar as pessoas a serem mais produtivas e melhorar a gestão de suas empresas e finanças com auxílio da tecnologia.

Para isso, integramos os apps que você usa em seu dia a dia – o Pagar.me, por exemplo – com outros, como planilhas do Google, ferramentas de automação de marketing, emissor de notas fiscais e muitos mais.

Assim, toda vez que um pagamento é confirmado em seu e-commerce, automaticamente uma linha é criada em sua planilha, ou um lead é classificado como cliente em seu programa de automação de marketing, ou uma nota fiscal é emitida.

Veja o que mais você pode fazer integrando apps como esses:


You Might Also Like

close

[Template Exclusivo]

Planilha para Controle de Recebíveis

Fizemos uma planilha online que vai te ajudar a:

check
check
check
check

Melhorar a gestão financeira da sua empresa;

Acompanhar todos os pagamentos aprovados mês à mês;

Analisar a curva de crescimento em vendas do seu negócio;

E muito mais!

  • Seus dados estão seguros! Prometemos não te enviar spam.